Como combater a retenção de líquidos


Graças a rotinas diárias e hábitos menos apropriados é comum termos retenção de líquidos. Veja as nossas dicas para amenizar os sintomas.



O corpo humano é composto por cerca de 60% de água, pelo que a não eliminação deste líquido causa transtornos e problemas, como a retenção de líquidos. Esta refere-se a um transtorno metabólico que se traduz na acumulação de líquidos no organismo, em casos em que o corpo não é capaz de eliminar os fluídos em excesso, causando a acumulação da água nos tecidos.


É pela retenção de líquidos que ficamos com sintomas de inchaço em algumas zonas do corpo, sendo um problema mais preponderante nas mulheres. Tal acontece quando o corpo ultrapassa os 75% de água presente e manifesta-se, sobretudo, nas pernas, braços, mãos, pés e até na barriga.


Alguns sintomas associados para além do inchaço é a sensação de peso nas pernas, dores nos membros, aumento do volume das coxas, celulite e redução do volume urinário. Veja como pode amenizar a retenção de líquidos presente.



Passo a passo para uma rotina anti celulite


4 dicas para reduzir a retenção de líquidos


Aumento do consumo de água

Pode, à primeira vista, parecer contraditório, uma vez que já há um acúmulo anormal de água no organismo, mas uma das causas da retenção de líquidos é precisamente a falta do consumo de água.

Quando o organismo sente que não está a ingerir a quantidade de água necessária, ele tende a retém em excesso toda a água, desencadeando o processo de inflamação.


Exercício físico

Não tem necessariamente de se inscrever num ginásio, se isso fugir aos seus planos. Mas é certo que uma caminhada diária de pelo menos 30 minutos, vai ajudar a combater a retenção de líquidos. Se puder praticar exercício, também tem a certeza que só por si já vai ajudar à eliminação de água do organismo pela transpiração.


Alimentação equilibrada

Muitos alimentos têm substâncias anti-inflamatórias nas suas composições, pelo que podem auxiliar no combate a retenção de líquidos e a diminuir a inflamação por ela causada. Exemplos desses alimentos são as uvas, romãs, frutas vermelhas, hortaliças, sardinha, atum, salmão ou linhaça.


Pode ainda aumentar o consumo de alimentos diuréticos, como a melancia, o pepino e o tomate, aumentar o consumo de alimentos ricos em potássio, como abacate, sumo de laranja ou banana e, ingerir mais alimentos ricos em água, tais como o rabanete, nabo, couve-flor, morango, melão, abacaxi, maçã ou cenoura.


Diminuir os processados

Os alimentos industrializados são ricos em sal, entre outras coisas, sendo muitas vezes os grandes responsáveis por casos de retenção de líquidos, devem por isso ser evitados a todo o custo.



Descubra os melhores amigos para uma pele saudável



Tratamentos estéticos não invasivos que trabalham a retenção de líquidos


1 # Drenagem linfática ou Pressoterapia

Esta é uma ótima estratégia para eliminar o excesso de líquidos do corpo, podendo ser feita de forma manual, sendo esta forma um tipo de massagem suave e com movimentos bem marcados, para que tenham efeito esperado, ou realizada com equipamentos eletrónicos próprios para drenagem linfática mecânica, chamado de pressoterapia.


A frequência destas sessões varia de caso para caso, consoante as necessidades de cada pessoa. A duração das sessões é de 45 a 60 minutos e, no final do mesmo, é comum sentir a necessidade de urinar, uma vez que isso é indicativo de que o tratamento está a ter o efeito esperado.


A drenagem linfática, manual ou pela pressoterapia, é um excelente complemento do tratamento contra a celulite, sendo ainda indicada após tratamentos como radiofrequência e eletroestimulação.



Reduza medidas e modele o corpo com a eletroestimulação



2 # Radiofrequência e eletroestimulação

Através da mais avançada tecnologia ultrassónica, a radiofrequência é uma solução eficiente e duradoura para tratar a celulite, flacidez, retenção de líquidos, ativar a circulação sanguínea e regenerar a pele.


Os seus efeitos proporcionam o aumento da temperatura local da área tratada e, consequentemente, o aumento do fluxo sanguíneo. As células de gorduras são destruídas e posteriormente eliminadas através do sistema linfático. Para além de trabalhar no combate à retenção de líquidos, a pele fica ainda visivelmente mais lisa, firme e sem sinais de celulite.


Pela eletroestimulação, por sua vez, ocorre a estimulação neuromuscular isotónica para o tratamento da musculatura corporal. A contração muscular provocada pelos elétrodos, aplicados nas áreas a tratar, promove a circulação sanguínea, melhora a oxigenação celular, elimina as toxinas, consumindo energia e promovendo a queima a gordura acumulada.



É possível voltar a sentir-se saudável e elegante

A retenção de líquidos é um problema que afeta milhares de pessoas, nomeadamente mulheres. Não só devido aos nossos hábitos, mas também por vezes ligado a dificuldades hormonais, que fazem com que o organismo não seja capaz de remover os líquidos necessários ao equilíbrio do corpo.


Esta situação pode ser responsável pelo aumento de peso, inchaço e pernas cansadas, caso não seja tratada de forma eficaz. Marque a sua avaliação e volte a sentir-se saudável e elegante!


11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo